MusPerfTec

Promotor: Universidade de Aveiro

Parceiros:

Escola Superior de Música e das Artes do Espetáculo - Instituto Politécnico do Porto

Det humanistiske fakultet - Norges teknisk-naturvitenskapelige universitet/Norway

Financiamento EEA Grants: 14 130,00 €

Código Grace: PT-BI004

Programa:

Em que consiste esta iniciativa?

Esta iniciativa aborda, através de uma perspetiva integrada de pesquisa, a interação entre performance musical e inteligência artificial.

A tecnologia pode expandir e potenciar abordagens criativas, nomeadamente no contexto de práticas improvisatórias e experimentais, mas a complexidade dos interfaces é frequentemente apenas dominada por especialistas.

Pretende-se lançar um fórum de discussão e colaboração, abordando o desenvolvimento e testes de aplicações tecnológicas que, contrariamente aos recursos desenvolvidos pela indústria musical, sejam disponibilizados livremente a músicos profissionais e amadores.

Esta colaboração envolve três das mais importantes instituições nas áreas da pesquisa em tecnologia e performance musical em Portugal e na Noruega:

  • a Universidade de Aveiro;
  • a ESMAE;
  • e a Norwegian University of Science and Technology.

Esta iniciativa levará ao desenvolvimento de recursos (estratégias de trabalho e aplicações), e ao planeamento de colaborações futuras, contribuindo para o avanço do conhecimento presente, e a criação de recursos tecnológicos inclusivos e colaborativos para a prática musical.

Resultados

A iniciativa “Promovendo a inovação na pesquisa em performance musical através do estudo e desenvolvimento de interfaces tecnológicos” aborda, através de uma perspetiva de investigação, a interação entre performance musical e inteligência artificial (IA). A tecnologia contribui para a expansão de abordagens criativas nas práticas musicais, mas a complexidade das interfaces é frequentemente acessível apenas a especialistas. Este projeto envolve três das mais relevantes instituições em Portugal e na Noruega nas áreas da tecnologia musical e investigação em performance: a Universidade de Aveiro (UA), o Instituto Politécnico do Porto (e a sua Escola Superior de Música e das Artes do Espetáculo – ESMAE), e a Universidade Norueguesa de Ciência e Tecnologia (NTNU). Esta parceria está a implementar um fórum de discussão e colaboração para o desenvolvimento e estudo de aplicações tecnológicas e de IA expressiva para performance que, contrariamente aos recursos desenvolvidos pelas indústrias da música, serão disponibilizados livremente a músicos profissionais e amadores. A equipa já realizou encontros de trabalho entre novembro de 2019 e novembro de 2021 em Aveiro, Porto e Trondheim, e estas visitas incluíram a organização de workshops e palestras para estudantes da UA, ESMAE e NTNU. As aplicações testadas pela equipa durante as sessões de trabalho já foram apresentadas em janeiro de 2020 na conferência “The Sound of Feedback, The Idea of Feedback in Sound” na Canterbury Christchurch University (Reino Unido), e em março de 2020 na Internacional Conference on Live Interfaces em Trondheim, este publicado como artigo dos membros da equipa nas atas desta conferência.